Site Overlay

Brasileiros farão mais transações financeiras digitas depois da pandemia

Uma das mudanças de comportamento provocadas pela covid-19 foi o aumento de transações financeiras digitais pelos brasileiros e, de acordo com a pesquisa da consultoria Oliver Wyman, esse hábito irá permanecer e ainda deve ter um crescimento no Brasil.

O estudo foi realizado em 10 países, entre eles Estados Unidos, México, Alemanha, França, Itália, Espanha, Reino Unido, Austrália, China e Brasil, com o total de 57 mil pessoas. O curioso é que o Brasil mostrou percentuais maiores que os dois países mais populosos do mundo, China e Estados Unidos.

Enquanto mais de 23% dos brasileiros farão mais transações digitais, mais de 18% dos chineses e mais de 8% dos estadunidenses disseram que farão o mesmo.