Site Overlay

Getnet fecha em alta de 23% e Alliar despenca mais de 20%

As units da Getnet lideraram as altas do Ibovespa na tarde desta quarta-feira (22), seguidas dos papéis do Banco Pan e Méliuz.

Na outra ponta,a Rede D’Or ficou com as maiores quedas do indicador.

Fora do Ibovespa, os papéis da Alliar caíram forte. Confira os destaques registrados no dia:

Getnet, Banco Pan e Méliuz

As units da empresa de adquirência Getnet (GET11) ficaram com as maiores altas do pregão ao saltarem 23,40%, para R$ 4,06.

A companhia informou que seu conselho de administração aprovou a distribuição de Juros sobre o Capital Próprio no montante líquido de R$ 253 milhões.

O valor por ação ordinária será de R$ 0,12, enquanto a quantia por papel preferencial será de R$ 0,14 e de R$ 0,27 por units.

Vão receber o dinheiro os acionistas que tiverem posicionados na empresa em 20 de janeiro de 2022. A  partir de 21 de janeiro de 2022, as ações serão negociadas como ex-juros sobre capital próprio. O provento será pago a partir do dia 18 de fevereiro de 2022.

Na sequência, o Banco Pan (BPAN4) subiu 7,97%, para R$ 10,76, enquanto a Méliuz (CASH3) avançou 6,77%, a R$ 3,31.

Rede D’Or

A Rede D’Or (RDOR3) liderou as quedas do indicador ao encerrar em queda de 5,67%, para R$ 42,75. A Hapvida (HAPV3) também recuou 3,24%, para R$ 11,05, após dizer que o índice de sinistralidade no quarto trimestre pode sofrer impacto de aumento “significativo” de atendimento a pacientes com “sintomas típicos de viroses” nas últimas semanas.

Alliar

A companhia de medicina diagnóstica Alliar (AALR3) recuou 20,35%, para R$ 14,25, e ficou com a maior queda da B3.

Os acionistas controladores da empresa firmaram contrato para venda de ações da empresa à gestora MAM Asset Management (que pertence ao empresário Nelson Tanure).

O contrato envolve uma venda de até cerca de 62,4 milhões de ações ordinárias, ou 52,75% do capital social da Alliar, pelo valor de R$ 20,50.